Bloco Cortejo Afro 

O Bloco Cortejo Afro foi criado em 02 de julho de 1998, na comunidade de Pirajá. Sua origem, dentro dos limites de um terreiro de candomblé, o Ilê Axé Oiá, sob a inspiração e orientação espiritual da Yalorixa Anizia da Rocha Pitta, Mãe Santinha, atesta toda a sua identidade, autenticidade e força.

O Bloco desfila sexta-feira no Circuito Avenida, e domingo e segunda-feira no Circuito Barra – Ondina.

O Bloco foi idealizado pelo artista plástico Alberto Pitta, que há 30 anos desenvolve trabalhos ligados à estética e cultura africana. A intenção de Pitta é resgatar as cores, sons e ritmos do carnaval, que em sua opinião “o tempo se encarregou de apagar, tornando a maior festa popular do mundo, numa pasta só”. Daí a introdução predominantemente do branco sobre branco, o azul e prata que são cores de Oxalá. Já os grandes sombreiros, segundo Pitta, “visam passar o visual dos reinados das tribos africanas, especialmente de Benin, Costa do Marfim, dentre outros países africanos”.

A Banda Cortejo Afro animará o Bloco fazendo o público cantar, dançar e se divertir.

O Bloco transmite alto astral através de suas músicas e coreografias ricas em

 

Cortejo - @cortejoafro

Bloco Cortejo Afro

This bloco was conceived by the artist Alberto Pita, who has been developing projects related to African culture and aesthetics for 30 years. His intention is to revive the colors, sounds and rythims of carnival that he thinks “have been erased by time, making it the biggest popular festival worldwide. Hence the use of white over white, blue and silver which are the colors of Oxalá. The parasols, according to Pitta, “intend to show the look of the kingdoms of African tribes, especially Benin, Ivory Coast and other African countries.

Cortejo Afro Band will cheer up the crowd, leading it through singing, dancing and having fun!

The bloco spreads good vibes in its songs and coreographies vastly linked to elements of black influence. and exuberant clothing, because of which it has been awarded with Troféu Dodô e Osmar prize for best costume design, in the last two years.

Cortejo - @cortejoafro